Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de maio, 2018

Descobertas da Segunda Guerra: Os túneis esquecidos em Nápoles

Nápoles, sul da Itália, a terceira cidade mais populosa, ficando atrás somente de Roma e Milão, também tem seus segredos. Em 2005, quando geólogos verificavam as condições em que se encontrava uma pedreira sob o bairro de Monde de Dio, descobriu-se uma enorme rede subterrânea de túneis, incluíndo cisternas, vias subterrâneas, escadarias e enormes câmaras, com veículos e vários objetos que remetem à Segunda Guerra Mundial. Os túneis foram construídos no ano de 1853, ocupando uma área de 1022 metros quadrados e com 150 metors de profundidade. Tais túneis foram construídos por Fernando II, o qual temia por uma revolução e precisava de túneis grandes para permitir que tropas e cavalos pudessem ir dos quartéis para o Palácio Real. Nos primórdios dos anos 30, os túneis foram utilizados como depósito de veículos contrabandeados e apreendidos, uma vez que não havia espaço suficiente na cidade. Com a Segunda Guerra, os túneis foram usados como abrigo antiaéreo, sendo

O asteroide solitário que ajuda a contar a história do Sistema Solar

Pesquisadores identificaram um objeto espacial inédito: um asteroide rico em carbono no Cinturão de Kuiper. (Foto: Divulgação/Eso) Orbitando em um conjunto de objetos congelados localizados além de Netuno, a composição do asteroide indica que ele não se originou ali. Em vez disso, o objeto com 300 km de largura pode ter sido ejetado de uma órbita junto aos planetas gigantes, durante o turbulento início do Sistema Solar. O objeto fica tão distante da Terra que os cientistas levaram vários anos para analisá-lo. "Quando obtivemos os dados pela primeira vez, pensamos que havia algo errado, porque não se parecia em nada com outros objetos do cinturão", disse o cientista Tom Seccull, da Queen's University Belfast, na Irlanda do Norte, à BBC News. A maioria dos outros objetos naquela região do espaço têm uma superfície repleta de gelo. Esse asteroide, conhecido como 2004 EW95, não só é rico em carbono como contém minerais como filossilicatos, uma f

Desvendado o grande mistério sobre as câmaras secretas na tumba de Tutancâmon

Mistério resolvido. Os trabalhos para descobrir o que havia dentro das câmaras ocultas supostamente encontradas na tumba do faraó Tutancâmon terminaram — e o resultado causou perplexidade. A conclusão? As câmaras nunca existiram. Antes da investigação mais recente, as autoridades egípcias chegaram a afirmar que tinham "90% de certeza" de que existiam espaços desconhecidos no túmulo do Faraó, visitado por centenas de milhares de pessoas desde que foi descoberto pelo britânico Howard Carter em 1922. Tumba de Tutancâmon: possibilidade de que túmulo guardasse ainda mais segredos foi levantada pelo arqueólogo britânico Nicholas Reeves, em 2015 Uma das teorias apontava, inclusive, que o túmulo da rainha Nefertiti — que alguns especialistas consideram a mãe de Tutancâmon — poderia estar escondido no local. No entanto, novas pesquisas concluíram que essas cavidades ocultas simplesmente não existem. Nefertiti? A possibilidade de que o túmulo de Tutancâmon tivesse ma

Menu de 1ª refeição do Titanic é vendido por R$ 480 mil em leilão

Almoço foi servido a funcionários no 1ª dia dos testes do navio no mar, em 2 de abril de 1912. O menu da primeira refeição servida a bordo do Titanic foi vendido por 100 mil libras (R$ 480 mil) em um leilão. (Foto: Henry Aldridge)  O almoço, que incluía consomê mirrette (sopa feita a partir do caldo da carne), creme de galinha, salmão e cordeiro, entre outros pratos, foi servido a funcionários no primeiro dia dos testes do navio no mar, em 2 de abril de 1912. O objeto pertencia a Charles Lightoller, o funcionário do mais alto escalão do Titanic a sobreviver ao naufrágio. Ele deu o menu à sua mulher como uma lembrança, pouco antes da viagem inaugural, em 10 de abril de 1912. Alan Aldrige, responsável pelo leilão, disse que o item é um dos "mais raros menus existentes". O objeto foi vendido a um colecionador britânico neste sábado (21). Já uma chave que dava acesso à sala de mapas do navio foi vendida a um colecionador no Texas por 78 mil libras (R$ 373 mil), enqua