terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Depois de 70 anos de sua proibição, Mein Kampf é o livro mais vendido na Alemanha

O livro consiste nos textos originais de Hitler, acompanhados de comentários de críticas que contextualizam sua ideologia.



O Instituto de História Contemporânea de Munique informou que em um ano de vendas do livro “Mein Kampf“, de Adolf Hitler, ele vendeu nada menos que 85 mil cópias na Alemanha. Isso tudo 70 anos depois da proibição da obra. O livro consiste nos textos originais de Hitler, acompanhados de comentários de críticas que contextualizam sua ideologia.

A nova edição do livro começou a ser vendida na Alemanha em janeiro de 2016, logo depois de tornar-se livre dos direitos autorais. O livro havia sido proibido por mais de 40 anos, por conta do medo das autoridades de que a obra se tornasse material de culto para os neonazistas.



Mas depois de livrar-se dos direitos autorais, o livro foi reeditado em uma versão mais científica, com comentários e críticas. Assim, renovada, a obra tem como objetivo ser uma ferramenta para a compreensão dos pensamentos de Adolf Hitler.
O livro lidera a lista semanal da revista Der Spiegel, na categoria de “não-ficção“, como o livro mais vendido do gênero. O Instituto de História Contemporânea de Munique afirma que muitas universidades e outras instituições se interessam em discutir a obra com seus alunos e membros.

Fonte: http://misteriosdomundo.org/ Imagens: Getty Images

Nenhum comentário:

Postagens mais acessadas