terça-feira, 30 de agosto de 2016

Ator americano Gene Wilder morre aos 83 anos

Ele foi o primeiro Willy Wonka da ‘A fantástica fábrica de chocolate’.
Foi indicado ao Oscar por 'Jovem Frankenstein' e 'Primavera para Hitler'.



Morreu na noite de domingo (28), aos 83 anos, o ator americano Gene Wilder.

Gene Wilder, na verdade, chamava-se Jerome Silberman. Mas, se ele foi conhecido por outro nome além do artístico, talvez esse nome tenha sido Willy Wonka. O papel no musical infantil "A fantástica fábrica de chocolate", de1971, foi um dos mais marcantes na carreira dele.
Gene Wilder morreu na casa dele, no estado de Connecticut, de complicações decorrentes da doença de Alzheimer. A família contou que Gene estava de mãos dadas com os parentes mais próximos e que, no momento da morte, tocava no quarto a música "Somewhere over the rainbow" (Em algum lugar além do arco-íris”, canção do filme “O mágico de Oz”.
Numa rede social, o comediante Jim Carrey escreveu: "Gene Wilder tinha uma das energias mais divertidas e doces que já tomaram forma de ser humano".
O diretor Mel Brooks, que fez vários filmes com Gene, afirmou: "Ele abençoou cada filme que fizemos com sua magia".
A Academia de Artes e Ciências de Hollywood, responsável pelo Oscar, agradeceu: "Obrigado, Gene Wilder, por tudo o que nos deu. Você vai fazer falta".
Gene Wilder recebeu duas indicações ao Oscar: "melhor ator coadjuvante" pelo filme "Primavera para Hitler", em 1969; e "melhor roteiro adaptado" por "O jovem Frankenstein", em 1975.
No cinema, também fez vários filmes cômicos como "Banzé no Oeste" e "A dama de vermelho".

Nenhum comentário:

Postagens mais acessadas