segunda-feira, 25 de abril de 2016

Bombardeios da Segunda Guerra podem ter causado mudança climática

Um estudo revela que a Segunda Guerra não teve apenas um saldo trágico em relação a perdas humanas e materiais, mas também afetou o planeta em longo prazo.

Mais precisamente, a ocorrência de bombardeios no sudeste da Inglaterra teria contribuído para uma mudança climática em escala mundial, segundo um estudo conduzido por cientistas da Universidade de Birmingham. 

No artigo, publicado pela revista International Journal of Climatology, foram analisados os registros de operações das forças armadas do Reino Unido e dos EUA e os dados climatológicos da década de 40, com o objetivo de detectar os níveis de nebulosidade provocada pelos milhares de bombardeios aliados que atingiram a Inglaterra entre 1943 e 1945.
Por exemplo, o bombardeio da manhã de 11 de maio de 1944, que incluiu mais de 1.400 aviões, fez com que a temperatura das bases militares diminuísse em 0,8°C, o que traz uma amostra significativa do efeito desses movimentos bélicos sobre a atmosfera terrestre.
“Observando uma época em que aviação era realizada em grupos concentrados com fins militares, fica mais fácil separar esse fenômeno de outros que também afetam o clima”, explica Rob Mackenzie, coautor do estudo.
Fonte: Muy Historia 
Imagem: Everett Historical/Shutterstock.com

Nenhum comentário:

Postagens mais acessadas