quarta-feira, 24 de julho de 2013

Mais de 1.500 lingotes de prata de 1941 são retirados do mar

Washington - Mais de 1.500 lingotes de prata que pesam no total cerca de 56 toneladas e que jaziam no fundo do mar desde 1941 depois que o navio britânico que os transportava foi torpedeado foram localizados este mês pela sociedade especializada Odyssey.

Os 1.574 lingotes foram localizados a bordo do "SS Gairsoppa", que repousa a 4.700 metros de profundidade no Atlântico Norte, sudoeste da Irlanda, segundo comunicado da sociedade especializada em recuperação de restos de naufrágios.

Lingotes de prata encontrados a 4.700 metros de profundidade, no Atlântico Norte: segundo cotação atual da prata no mercado, o tesouro recuperado valeria 40 milhões de dólares
A Odyssey não informou sobre o valor desses lingotes, mas, segundo a cotação atual da prata no mercado, o tesouro recuperado valeria 40 milhões de dólares.

O navio de carga britânico afundou em fevereiro de 1941 depois de ter sido torpedeado por um submarino alemão durante a Segunda Guerra Mundial, quando navegava de Calcutá para Londres.

A Odyssey já havia recuperado em 2012 desse barco 1.218 lingotes, que pesavam 43 toneladas, o que eleva a 2.792 o número de lingotes recuperados e assegurados pelo governo britânico.

Segundo um contrato entre a Odyssey e o ministério britânico de Transportes, a sociedade fica com 80% do valor do carregamento resgatado.

Uma nova expedição está em andamento para localizar a carga do vapor britânico "SS Mantola", que afundou em 1917 e foi localizado em 2011 pela Odyssey. O "SS Mantola" transportaria umas 20 toneladas de prata.

Fonte: exame.com

Nenhum comentário:

Postagens mais acessadas