terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Brasil inaugura primeiro módulo científico no interior da Antártica

Cientistas brasileiros inauguraram o primeiro módulo do país no interior da Antártica, o Criosfera 1, na última quinta-feira. Após quase um mês no continente gelado – o grupo chegou na Antártica em 17 de dezembro de 2011 –, enfrentando sensações térmicas de até 42°C negativos, o trabalho de instalação de todos os equipamentos internos e externos do módulo foi concluído com sucesso.

O Criosfera 1 será o primeiro do tipo instalado no interior antártico a funcionar 24 horas por dia, sem a necessidade de acompanhamento humano em suas operações. Também é sustentável, pois possui painéis solares e geradores eólicos em vez de utilizar combustível fóssil para seu funcionamento. As primeiras transmissões de dados meteorológicos, em fase de teste, foram enviadas via satélite na última semana para o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE).


O módulo tem 6,30 m de comprimento, 2,60 m de largura e 2,5 m de altura e pesa 3,5 toneladas. Ele fica a 1,5 m do solo para evitar o acúmulo de neve ao redor e permitir a passagem do vento. Com o envio diário por satélite dos dados meteorológicos coletados, a intenção é obter análise sobre os reflexos dos poluentes gerados na América do Sul e outras partes do mundo no continente antártico.

Nenhum comentário:

Postagens mais acessadas